Rio Cachoeira passa a ser monitorado por radar de nível de água

Publicada em 13/12/2021 às 14:43
Relacionado a: Secretaria de Proteção Civil e Segurança Pública - SEPROT

O rio Cachoeira conta agora com um radar de nível de água. O aparelho foi instalado pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), com apoio da Defesa Civil de Joinville e do Comitê Babitonga. Sua função é a prevenção de desastres e a gestão de recursos hídricos.

Instalado próximo da Ponte Azul, o radar monitora o nível da água do rio Cachoeira e envia essas informações a cada cinco minutos a um servidor informatizado. “O radar emite uma onda eletromagnética. Essa onda interage com o nível da água e retorna informando qual é a altura que a água está”, explica Virginia Grace Barros, professora de engenharia civil da Udesc.

As informações sobre o nível da água do Cachoeira serão monitoradas pela Udesc, a Defesa Civil e o Comitê Babitonga. Segundo Marnio Luiz Pereira, gerente da Defesa Civil de Joinville, o radar é crucial para a rapidez das ações preventivas.

“Além de detectarmos marés altas, também obteremos rapidamente as medições quando chove forte. Teremos também um histórico de como é a dinâmica do Rio Cachoeira”, informa Marnio.

O radar teve um custo de R$ 138 mil e foi adquirido pela Udesc. O aparelho é alimentado por placas solares, instaladas próximas ao radar.

Núcleo Municipal de Hidrometeorologia

Por meio do decreto nº 42.338, o prefeito Adriano Silva alterou a denominação e a estrutura do Núcleo Municipal de Hidrometeorologia (NMH). Além de representantes das secretarias de Proteção Civil e Segurança Pública, e Administração e Planejamento, Agricultura e Meio Ambiente Infraestrutura Urbana e Águas de Joinville, o núcleo é composto por representantes de instituições que discutem e estudam o tema. Quem tiver interesse em acompanhar as atividades desenvolvidas pelo grupo, pode enviar e-mail para defesacivil@joinville.sc.gov.br.

Compartilhe