Jornada Técnica da Festa das Flores começa nesta quarta-feira na Expoville

Publicada em 14/11/2017 às 18:02
Relacionado a: Secretaria de Cultura e Turismo - SECULT

79ª Festa das Flôres em Joinville Ver imagem em alta resolução

A Jornada Técnica da Festa das Flores começa nesta quarta-feira (15/11/2017) e vai até o dia 18 de novembro. São palestras e oficinas para ampliar o conhecimento dos participantes. Nesta edição, são mais de 30 opções de eventos voltados a profissionais e interessados em paisagismo, agronegócio, floricultura, mercado, técnicas de cultivo, entre outros assuntos como empreendedorismo e cases de sucessos.

Todas as palestras têm inscrição gratuita e pode ser feita pelo site festadasflores.com.br ou diretamente no local antes do evento. A única exceção é a palestra do paisagista Raul Cânovas que é cobrada e deve ser feita com antecedência pelo e-mail comercial@jardimcor.com. O profissional de renome nacional vai falar sobre “Imersão em Paisagismo”, no sábado, das 8h às 17h45. A programação da Jornada Técnica vai ser realizada nas salas Bromélia e Tulipa.

Outro destaque da jornada é a palestra “Hidroponia: cultivos urbanos”, com o engenheiro mecânico e projetista Marco Wunderlich, da Tecnoperfil. “Vamos abordar o conceito do cultivo urbano com foco na hidroponia que é uma grande tendência de mercado. Gera renda utilizando pouco espaço e ainda tem o foco na segurança alimentar, de saber o que está consumindo”, disse Marco. O profissional falou também que o cultivo urbano vem evoluindo com as hortas comunitárias e que há no mercado torres de cultivo hidropônicos.

Outra palestra da Jornada vai ser “Investimento de Sucesso: A energia solar na agricultura”, com o engenheiro eletricista Ramon Kühl, da Tab Energia. “Vamos falar como funciona a energia solar e onde ela se aplica. Junto com a Epagri vamos apresentar uma linha de financiamento para agricultores e quais os benefícios e retornos”, explicou.

De acordo com o engenheiro, o uso de energia solar é muito utilizado no mundo todo, mas ainda está começando no Brasil. Em 2012, foram contabilizadas 15 mil instalações no país em residências, indústrias e comércios. A estimativa é que este número aumente para mais de 1 milhão em 2024. “Vamos apresentar cases e mostrar que é viável. O agricultor, por exemplo, vai poder economizar com a conta de energia, pagar a parcela e ainda vai sobrar dinheiro”, disse Ramon.

Pela primeira vez no evento, a Jornada vai realizar o “Observa Joinville”, com observação de pássaros, fotografia de aves, aves catarinenses, papagaio chorão, conservação e sobre a eleição da ave símbolo de Joinville.

A jornada ainda vai abordar temas como gestão eficiente, mini geração de energia, esgoto tratado, energia solar fotovoltaica, plantas ornamentais, plantas alimentícias, cactáceas comestíveis, meliponicultura, laelia purpurata (classificação, melhoramento genético e cultivo), entre outros assuntos.

Compartilhe