IPREVILLE completa 20 anos como referência nacional

Publicada em 27/06/2016 às 10:19
Relacionado a: Instituto de Previdência Social dos Servidores Públicos do Município de Joinville - IPREVILLE

Considerado pelo Ministério da Previdência Social uma referência nacional pelo sucesso de gestão e controle econômico, o Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Joinville – IPREVILLE abriu nesta segunda-feira (27/06/2016) a programação de 20 anos de criação.

Na cerimônia, com descerramento de placa na sede do instituto, um dos nomes mais citados foi do ex-prefeito de Joinville, Wittich Freitag (1983/1988 e 1993/1996), pela iniciativa de criação do Ipreville, em 1996.

Nesses 20 anos em que os servidores da Prefeitura deixaram de estar segurados pela previdência federal (INSS) e passaram a contribuir para um instituto próprio, o Ipreville contabiliza um fundo de pensão de R$ 2,6 bilhões, com previsão de equilíbrio financeiro para os próximos 100 anos, conforme diagnóstico por cálculo atuarial.

“São raras, no Brasil, instituições como o Ipreville por sua gestão democrática, participativa e pleno controle social”, destacou durante a cerimônia a presidente do Instituto, Márcia Alacon. Um dos segredos, segundo ela, é a gestão profissionalizada, em que todos os cargos de comando, desde a presidência aos conselhos de Administração, Fiscal e gestores são, obrigatoriamente, ocupados por servidores de carreira da Prefeitura.

Instituto gerido pelos servidores

Um dos participantes da criação do instituto, o advogado Luiz Claudio Gubert, lembrou que tudo começou em 1994, com a busca de subsídios no Instituto Brasileiro de Administração Municipal (IBAM), no Rio de Janeiro. “Naquele tempo, jamais poderíamos pensar no que tudo daria 20 anos depois”, afirmou.

Um dos ex-presidentes, Atanásio Pereira, destacou que o setor do Governo Federal que provoca o maior déficit nos cofres da União é a Previdência e que, a maior sacada do Ipreville foi blindar o instituto, com a obrigação de ser gerido pelos próprios servidores. Outro ex-presidente, Afonso Carlos Fraiz, lembrou que desde a criação em 1996, o Ipreville teve apenas cinco presidentes, todos servidores. “Todos os prefeitos respeitaram o instituto por uma questão de coerência e legislação”, avaliou.

A programação dos 20 anos do Ipreville continua nesta terça-feira com o Seminário de Previdência e Qualidade de Vida, às 9 horas no Teatro Juarez Machado; prossegue na quarta-feira (29/06) com espaço na Tribuna Livre da Câmara de Vereadores às 17 horas e termina na quinta-feira com a caminhada “Xô Preguiça”, às 9 horas, com saída da sede do Ipreville.

Registrar manifestação para reclamação, sugestão ou elogio sobre estas informações. Para informações adicionais, registrar pedido de informação.